Conheça Zug, a cidade das cerejas na Suíça

Talvez você nunca tenha escutado falar na cidade de Zug, o que é normal, afinal ela realmente não está na rota turística na Suíça apesar de sua excelente localização entre a cidade de Lucerne e Zurique além de vários outros atrativos.

Eu mesma, antes de chegar aqui na Suíça nunca havia escutado falar na cidade que é hoje onde estou morando 🙂

Chegou a hora então de escrever um pouco sobre Zug e compartilhar algumas razoes pelas quais acredito que vale muito à pena incluir a cidade em seu roteiro!

Leia também: ” Dicas para conhecer Lucerne, uma das cidades mais lindas da Suíça”

conheça-zug_cidade-na-suiça

É muito mais fácil planejar viagens com o Turismo na Suíça!
Utilize os links dos nossos afiliados logo a seguir para conseguir descontos em hospedagens, seguro viagem, ingressos e muito mais!

Alguns fatos sobre Zug

A cidade de Zug em si é bem pequena e compacta. Com menos de 30.000 habitantes, Zug está cada vez mais se tornando um centro de negócios na Suíça. Muitas multinacionais e empresas do mundo todo possuem escritórios em Zug, atraídos pela proximidade a Zurique e a baixa política de impostos do cantão. Talvez seja um pouco difícil explicar isso, mas o cantão de Zug é um dos cantoes  (regiões da Suiça) com a menor taxa de impostos na Suíça. Consequentemente, isso atrai as empresas e também milionários e bilionários que escolhem a cidade para morar na Suíça.

Zug possui atualmente cerca de 10.000 postos de trabalho que empregam  cerca de 83.000 pessoas! (fonte: Office for Economic Promotion).

Um dos efeitos é que há muitos estrangeiros morando por aqui, pessoas vindas de mais de 128 nações diferentes e o inglês muitas vezes é mais escutado do que a língua local, o suíço alemão.

lago de zug_suiça

Curiosidade: A primeira fábrica de leite condensado da Europa foi fundada em 1866 por um americano chamado George Ham Page no distrito de Cham, pertencente a Zug. Anos depois a empresa se tornou a Nestlé e hoje próximo ao local onde tudo começou existe uma loja que vende produtos da marca mas por ironia do destino ou não, eles não vendem leite condensado 😛 Acho que para o paladar dos suíços é muito doce e até mesmo em supermercados de rede como Migros e Coop as vezes é difícil de encontrar, embora nas maiores filiais sempre tenha. Leia mais aqui.

Leia mais curiosidades sobre a Suíça nesse artigo aqui

leite condensado foi inventado na suíça
Fonte: http://www.nestle.com/media/newsandfeatures/page-brothers-and-anglo-swiss-history

A tradição das cerejas

O cantão de Zug é bem famoso pela produção de cerejas. Quem estiver viajando de carro entre Lucerne e Zurique certamente vai passar por algumas placas com o símbolo de cerejas indicando a direção da cidade. As cerejas são produzidas na região há séculos e fazem parte da cultura local. Todo ano acontecem mercados de cereja no centro antigo onde se vendem produtos dos mais variados tipos produzidos a partir da fruta.

zug cidade das cerejas suíça

Além disso, há também uma “corrida das cerejas” que representa a antiga tradição dos moradores da cidade que competiam entre si para conseguir chegar primeiro até as árvores e colher as melhores cerejas.

A época da colheita das cerejas é normalmente entre junho e julho e é possível comprar diretamente de alguns fazendeiros a melhores preços.  Eu sempre me esbaldo! Uma das partes que mais possuem cerejeiras é no caminho de subida para a Zugerberg e lá normalmente os fazendeiros montam uma mesinha e vendem as cerejas fresquinhas que foram colhidas no mesmo dia! Imperdível!

Leia também sobre colher morangos na Suíça

Um dos produtos mais famosos e tradicionais de Zug é a torta de cereja. Se você vier à cidade, não deixe de experimentar! Hà vários cafés espalhados pelo centro antigo que oferecem o doce que você pode apreciar enquanto toma um café.

Onde fica Zug e como chegar

Zug fica a cerca de 30 minutos de Zurique ou Lucerne. Hà conexões de trem frequentes saindo das duas cidades.

Viajar usando o Swisspass ou alugar um carro na Suiça? Descubra aqui a melhor opção para você

mapa zug suiça
Fonte: http://www.map-of-switzerland.com

Principais pontos turísticos de Zug

O Lago de Zug e o Pôr do Sol

Nao há duvidas de que o Lago de Zug seja um lugar especial! Com a vista dos gigantes Alpes Rigi e Pilatus e mais os alpes nevados da regiao de Berne, é um excelente lugar para apreciar o pôr do sol, que inclusive é muito famoso na Suíça!

Hà várias formas de aproveitar o lago, seja sentando em um dos cafés e restaurantes para apreciar a vista, ou ao fazer um passeio de barco!

Inclusive, além do passeio de barco, você pode aproveitar para se deliciar com um café da manha ou brunch servidos a bordo. Veja mais informações aqui.

zug_suiça_por-do-sol

Centro histórico

A parte antiga da cidade de Zug é uma graça! O centro antigo medieval é bem compacto e é facilmente alcançado a partir da estação de trem passando pelo lago.

Há diversas construções em estilo medieval, a maioria bem antigas, e é possível também encontrar algumas casas com fachadas coloridas e pintadas.

As ruas são de ladrilhos e há muitas lojinhas pelo caminho, cafés e restaurantes. Se perca entre as ruas estreitas!

Saiba como economizar em uma viagem à Suíça! Sim, é possível!

zug_centro-historico

Torre do relógio

Essa torre possui 52 metros de altura e é o ponto que chama mais atenção em todo o centro antigo. Foi construída no século XIII e pode ser visitada internamente, onde há uma série de degraus que nos leva até o topo de onde se tem uma vista sensacional do centro antigo e do lago!

A torre chegou a ser usada também como prisão e ao visitar a parte interna conseguimos ver algumas das “celas”.

Como visitar a torre: é preciso pegar uma chave. Saiba aqui onde 

zug suiça_torre-do-relogio

Praças

zug suiça_kollinplatz

Caminhando pelo centrinho antigo de Zug você ira passar por várias praças, entre elas a Kollinplatz onde se situa uma das fontes mais bonitas da cidade, na minha opinião, juntamente a um antigo e charmoso hotel.

Castelo” museu Burg e sua muralha

zug suiça_castelo-museu-burg

Esse pequeno castelo serviu de residência a antigos mercantes em tempos medievais e hoje se tornou um museu que conta a história do cantão de Zug.  Vale muito a visita nem que seja para tirar fotos da área externa, e dentro das “muralhas”.

Guggi -Rosengarten

jardim-zug-suiça

O Guggi é um jardim e ponto de vantagem sobre a cidade! É um dos meus lugares favoritos em Zug e nos proporciona uma excelente vista do centro histórico e do lago! Certamente um lugar para tirar fotos e continuar o passeio seguindo pelos traços da antiga muralha que cerva a cidade e as remanescentes torres.

Outras torres medievais: Pulverturm, Huwilerturm

zug_cidade-medieval-suiça

Além da torre do relógio, encontramos outras torres tao antigas e charmosas quanto ao fazer uma caminhada pelo centro de Zug. Essas duas torres serviam para o armazenamento de pólvora!

Igreja St Oswald

Igreja em estilo gótico construída em 1478.

Zugerberg – a montanha de Zug

zugerberg-montanha-zug

A montanha local que possui altitude máxima de 1039m acima do nível do mar também oferece várias atrações, desde caminhadas a restaurantes e espaços para picnic e churrasco.

A vista do lago e da cidade de Zug é surpreendente. É possível subir ao topo de carro ou com um funicular que pode ser alcançado com um ônibus que sai da estação de trem de Zug.

Mais informações sobre o funicular aqui.

Aegerisee

lago aegerisee zug suiça

Esse lago não fica exatamente na cidade de Zug, mas é pertencente ao cantão de Zug e pode ser alcançado facilmente de carro ou de ônibus que saem da estação central. É um lago de cor azul turquesa que fica na região de Aegeri, de onde também há varias trilhas. Se você tiver com tempo sobrando no roteiro considere conhecer!

Sugestão: bate e volta de Lucerne ou Zurique

Minha sugestão para que você conheça a cidade de Zug é fazer um bate e volta a partir da cidade de Zurique ou Lucerne. Como comentei no início do texto, há conexões de trem bem frequentes a partir dessas duas cidades e um bate e volta de meio dia a um dia é o suficiente para conhecer a cidade! Acredito que seja um excelente passeio fora da rota para aqueles que estejam procurando algo diferente e mais próximo da cultura suíça, sem uma grande quantidade de turistas.

Leia também tudo o que você precisa saber para dirigir na Suíça

Mas se você gostaria de passar mais tempo na região saiba que há muita opção de hotéis e até mesmo um Hostel que também tem opção de quarto privativo. Confira aqui os hotéis disponíveis na cidade. A vantagem é de que os preços costumam ser melhores do que em Zurique e você pode escolher a cidade para fazer um pit-stop e seguir viagem sentido Lucerne, por exemplo.

Se você gosta de hotéis de rede há um Hotel da rede Ibis. 

Para quem está de motorhome ou gosta de acampar leia aqui.

Se você está vindo morar na cidade de Zug aqui na Suíça recomendo começar a leitura por aqui.

Espero que esse post tenha te inspirado a colocar Zug no seu roteiro pela Suiça! E se um dia vier para cà, me mande uma mensagem e assim podemos tomar um café =)

zug-suiça-primavera

Cadastre seu Email e receba artigos como esse ( de forma gratuita e sem SPAM)

[mc4wp_form]

Mais de Monique Bianchi

Rafting em Brotas

No dia 21 de junho parti em direção a  mais uma aventura:...
Leia Mais

14 Comments

  • Agradeço todas as dicas que me inspirei em todos os quase 60 dias que passei no país. Estou terminando minha viagem nessa semana, faltam ir a Zurich e Zug,que descobri por este post.Zurich estarei mal localizado, mas essa chuva é quem me atrapalha. Senti falta aqui de dicas de Chur,Arosa,Davos e S Moritz.Não conhece ou não gosta?
    Super beijo e agora vou te perturbar na parte de Turquia, quem sabe,meu destino do próximo ano.

  • Oi Monique, tudo bem? Parabéns pelo blog! Você ainda mora em Zug? Gostaria de conversar com você, em breve estarei mudando para Zug e se possível algumas dicas…
    Obrigada 🙂

  • Monique,
    Suas dicas são maravilhosas, porém estou patinando no roteiro…
    Chego em Zurique dia 05/10, vou me encontrar com minha amiga em Genebra, dia 09.
    Ou seja, tenho 4 dias para explorar.
    Pensei em Zurique, Lucerna, Berna e Montreaux.
    Agora que descobri Zug, quero conhecer.
    Hellllllllllllllllppppp.

    • Oi Cintia, obrigada! Bom, como vc j’a deve ter percebido ha muitas opcoes de passeios e claro que fica a criterio de cada um dependendo do que mais gostaria de ver. Eu acho que essas 4 cidades que vc citou sao otimos exemplos. Em Interlaken ha dezenas de passeios para escolhger entre passeios de barco, montanha, trilhas, vilas alpinas, etc. Aqui no blog mesmo tem mta dica sobre isso. Montreux è sensacional com seu Chateaux de Chillon. Zug fica no caminho de Zurique a Lucerna entao vc consegue conhecer rapidinho pelo menos o centro historico e lago!Vale a pena! Bjs

  • Olá Monique, parabéns pelo blog, estou lendo vários posts e amando!!! Vou para Zug no dia 17/09/18 e retorno no dia 26/09/18. Estou bastante em dúvida do que levar de roupa e sapato, se precisa de um casaco bem quente ou se um mais leve é suficiente, se usaria bota de cano longo ou nessa época é demais … Se puder me ajudar agradeceria muito. Meu marido vai a trabalho então não poderemos visitar muitos lugares mas vai dá pra ir em Lucerna, Zurique e Zug mesmo.
    Desde já te agradeço pela ajuda e mais uma vez parabéns pelo blog.

    • Olá Luciana td bem? Bem provávrl que ainda estará bem calor nessa época que virá mas sim recomendo trazer uma jaqueta mais leve e roupas de meia-estação principalmentenpara a noite ou se for fazer algum passeio em montanha onde as temperaturas mudam rapidamente. Acho que vc não usará botas d ecano alto nessa época não, só se o tempo mudar muito. Escrevi um artigo completo sobre cada estação do ano por aqui. Leia aqui.
      Abraços!

  • Bom Diaaa! Monique;Vou passar uma temporada em Zug em Maio e gostaria de encontrar pessoas legais, é a primeira viagem para Suíça, sou estudante de moda e quero fazer amizades e conhecer um pouco esse lugar fantástico…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *